<$BlogRSDUrl$>

Friday, November 28, 2003

Andando à chuva (Reloaded) 

O Inimigo Público torna-se, cada vez mais um jornal de referência para todos aqueles que, como eu, gostam de ver as notícias realmente importantes tratadas como deveriam ser.

Vem noticiado, na edição de hoje, a descoberta da diferença que existe entre caminhar à chuva e correr à chuva. Qual dos dois molha menos? De acordo com a publicação semanal, este avanço da ciência foi conseguido por um jovem estudante da Universidade da Beira Interior, que, de visita a Oxford revelou os seus resultados. Pena é que não tenham sido tornados públicos.

Sendo uma das inúmeras vítimas do fenómenos de andar à chuva sem guarda-chuva, tento chegar a uma conclusão, após uma refexão exaustiva sobre tão importante problema.

Partindo do princípio que a chuva cai obliquamente e em quantidades proporcionais ao espaço, concluo que tanto correndo como andando, apanhamos a mesma quantidade de chuva, sendo que correndo apanhamos mais em menos tempo e andando menos mas em mais tempo.

Sendo assim tenho a audácia de propor que nenhuma das situações é mais favorável(recorrendo até ao empirismo).

Lógica ou não esta solução apenas me incita a não ficar parado quando estou à chuva sem o guarda-chuva, a não ser claro na hipótese perfeitamente possível de querer mesmo molhar-me, mas isso é uma outra história.

JoaoM

This page is powered by Blogger. Isn't yours?