<$BlogRSDUrl$>

Thursday, August 11, 2005

Major Georg-Peter Eder (1921- ) 

Georg Eder nasceu a 8 de Março de 1921 e Oberdachstetten na Alemanha.

Alistou-se na Luftwaffe em 1938 e em 1940 foi colocado na unidade de caça Jagdgeshwader 51.

Nessa altura voou missões durante a Batalha de Inglaterra até Novembro mas não derrubou nenhum avião inimigo. No entanto a 10 de Junho de 1940 Eder teve um combate feroz com um caça Caudron do piloto polaco Bloeslaw Gladych. Eder danificou gravemente o aparelho de Gladych mas num acto de cavalheirismo poupou-lhe a vida a abandonou o combate...não seria o ultimo encontro entre estes dois pilotos.

A sua primeira vitória ocorreu apenas a 7 de Maio de 1941 quando abateu um caça Spitfire da Royal Air Force.

No mês seguinte a sua unidade foi transferida para apoiar a invasão da Russia, e logo no primeiro dia da invasão no dia 22 de Junho, Eder abateu dois aviões russos. No dia 24 de Julho foi abatido e ferido ligeiramente, mas dois dias depois derrubou o seu oitavo avião inimigo.

A luftwaffe mostrava-se muito superior á aviação russa, e as vitórias dos pilotos alemães nesta frente eram muito mais numerosas que na frente oeste.

No entanto no dia 22 de Agosto, Eder colidiu com um avião de transporte alemão quando acabava de aterrar e ficou gravemente ferido. Só recuperou em Novembro desse ano, altura em que foi colocado como instrutor de pilotos.

Após um ano nessas funções, Eder regressou á frente de combate, sendo colocado na Jagdgeshwader 2 em França.

Aí enfrentou os crescentes raides de bombardeiros aliados sobre a Alemanha.Durante este período desenvolveu tácticas para conseguuir derubar as enromes e bem protegidas formações inimigas, nomeadamente o ataque de frente. Conseguiu a sua 12ª vitória no dia 30 de Dezembro derrubandoum bombardeiro norte-americano B-17 "Fortaleza Voadora".

Em missões constantes contra as formações aliadas, Eder conseguiu 20 vitorias sendo abatido por duas vezes, conseguindo saltar de páraquedas em ambas as ocasiões a
28 de Março e a 5 de Novembro.Nessa primavera Eder poupou um caça Spitfire...de novo o piloto era o polaco Gladych!

Um ano depois a 8 de Março de 1944 Eder e um outro piloto encurralaram um caça P-47 e intimaram-o a aterrar...O caça inimigo preparou-se para aterrar mas de subito disparou contra as defesas antiaéreas. A resposta das antiaéreas foi atingir não o caça aliado mas o avião de Eder e do seu companheiro...O caça P-47 escapou...o seu piloto não era outro senão Gladych.

Enfrentando formações de centenas de aparelhos inimigos Eder foi de novo abatido a 19 de Abril e a 8 de Maio de 1944 e colidiu com um companheiro a 29 de Maio.

A 4 de Junho de 1944 os Aliados desembarcaram nas praias da Normandia e Eder liderou a sua esquadrilha contra as esquadrilhas aliadas durante as semanas de avanço dos aliados em França. Abateu a sua 50ª vitória no da 21 de Junho recebendo por isso a Cruz de Cavaleiro(Ritterkreuz).

A 17 de Agosto durante um ataque a blindados aliados, Eder foi atacado por Spitfires. Nesse combate abateu dois caças inimigos que se foram despenhar sobre 3 tanques, destruíndo-os.

No dia 3 de Setembro o comandante do Grupo 26 de caça, o Hauptmann Emil Lang, foi morto em combate e Georg Eder substituiu-o, mas no fim desse mês Eder integrou a nova unidade Komando Nowotny, liderada pelo ás Walter Nowotny e que operava os novos caças a jacto Messerschmitt 262.

A 7 de Outubro Eder escapou da morte por pouco..Preparava para descolar no seu Messerschmitt 262 quando problemas mecânicos forçaram-o a ficar no solo. Dois dos seus companheiros no entanto conseguiram descolar. Nesse preciso momento dois caças Americanos P-51 atacaram a base alemã e destruíram os dois caças alemães que haviam levantado voo, sob o olhar de Eder...

Após a morte de Nowotny a 8 de Novembro a unidade foi reorganizada e Eder recebeu o comando. Durante a batalha das Ardenas Eder voou miutas missões de ataque ao solo com o seu caça a jacto destruíndo cerca de 40 caças inimigos nos seus aerodromos.

A 22 de Janeiro de 1945 durante o complicado processo de aterragem do su caça, Eder foi descoberto por caças e aliados e foi abatido, ficando gravemente ferido.

Eder foi capturado pelos americanos no fim da guerra quando ainda se encontrava no hospital.

Ao todo Eder voou em 572 missões de combate onde obteve 10 vitórias sobre aviões russos e 68 contra aviões ingleses e norte-americanos. Teve também a distinção de ser o piloto alemão que mais bombardeiros quadrimotores destruiu durante a guerra, 36! Foi também um dos melhores ases com o Messerschmitt 262, obtendo 24 vitórias com este avião.

Foi também um dos melhores ases contra a força aérea inglesa e norte-americana, tendo no entanto sido abatido 19 vezes, escapando de pára-quedas 9 vezes. Foi ferido 14 vezes.

Em 1950, num encontro de antigos pilotos, Eder ouviu um piloto polaco contar as histórias do seu encontro com um piloto alemão que o poupara por mais de uma vez...Nesse dia Eder e Gladych finalmente conheceram-se.

O Major Georg-Peter Eder ainda é vivo com 85 anos de idade.


Major Georg-Peter Eder com a sua Ritterkreuz(1944)



Major Eder a descrever um combate a um dos seus pilotos(1943)

This page is powered by Blogger. Isn't yours?