<$BlogRSDUrl$>

Thursday, February 16, 2006

Jagdgeschwader 3 "O Circo Loerzer" - 

A Jagdgeschwader 3 (ou Grupo de Caça 3) era formado por quatro esquadrilhas(2, 26, 27 e 36)de cerca de 12 pilotos cada, e foi formada em Fevereiro de 1918 sob a liderança do Oberleutnant(primeiro tenente) Bruno Loerzer.

Ao longo da sua existência provou ser uma das unidades mais formidáveis da força aérea alemã na Primeira Grande Guerra, invariávelmente infingindo pesadas perdas nas esquadrilhas aliadas que encontrava.

Nos ultimos dias da guerra, o Circo Loerzer operava na região francesa do Somme, onde combatia ferozmente a Royal Air Force e protegia a retirada final das tropas alemãs. No entanto a superioridade aérea aliada era tal que a única maneira de as formações alemãs entrarem em combate com alguma hipotese de sucesso era em grande grande número.

O "circo" Loerzer tinha no total cerca de 50 pilotos, e nesses ultimos dias as suas operações consistiam em patrulhar o seu sector numa grande formação para dissuadir os pilotos aliados de se intrometer no espaço aéreo alemão.

Regra geral os pilotos aliados evitavam esta formação em massa de pilotos veteranos. No entanto ocasionalmente e muitas vezes inevitavelmente, os confrontos sucediam-se e tornavam-se em combates épicos e muitas vezes desesperados para os seus intervenientes.

O dia 30 de Outubro de 1918 foi o dia mais intenso de combates aéreos de toda a guerra. Estávamos a 12 dias do final das hostilidades, mas obviamente que nessa altura nenhum dos lados sabia disso.

Pelas 8 da manhã a JG3 levantou voo com mais de 50 caças Fokker. Nessa manhã interceptaram uma patrulha de 12 Bristols ingleses do 88 Squadron da RAF que apesar da disparidade numerica aceitaram o combate. Os Bristols era caças bombardeiros de 2 lugares que eram temidos e respeitados pelos pilotos alemães, e os ingleses conseguiram uma formação defensiva eficaz, mantendo os caças alemães á distância, e pondo fora de combate cerca de uma duzia de Fokkers enquanto tentavam chegar ás suas linhas.

No entanto um dos Bristols foi isolado dos restantes e foi furiosamente atacado por seis Fokker. Era tripulado pelo tenente Gerald Anderson e pelo tenente E. Elliott. Este Bristol foi gravemente danificado e os dois tripulantes seriamente feridos pelo piloto alemão Helmut Lange. No entato Anderson conseguiu aterrar nas linhas aliadas e foi transportado para o hospital.

A JG3 realizou uma segunda patrulha nesse dia pelo meio-dia. A massiva formação encontrou uma esquadrilha de bombardeiros ingleses escoltados por 6 caças Dolphin do 19 Squadron da RAF, liderado pelo Capitão James Hardman, de apenas 19 anos de idade.

Hardman avistou os 50 caças e de imediato se colocou entre eles e os bombardeiros. No breve e violento combate que se seguiu Hardman conseguiu por fora de combate dois Fokker mas todos os seus 5 pilotos foram abatidos e capturados pelos tenentes Frohmmerz, Neuehofen, Kahle e Jahnke. Apenas Hardman regressou á base com o seu Dolphin muito danificado, mas tendo conseguido proteger os bombardeiros do ataque da JG3.

A JG3 teve ainda nova patrulha nesse dia durante a tarde. Pelas 17h interceptaram nova formação de bombardeiros escoltada por caças SE5a do 32 Squadron da RAF. Desta vez o combate correu de feição para os alemães. 3 SE5a da escolta foram abatidos pelos tenentes Bormann, Lindenberger e von Griesheim, vitimando os Capitães Farquhar, Callender e o tenente Armory. Da formação de bombardeiros foram abatidos 4 pelos tenentes Classen, Loffler, Blunck, e Schlack. Das tripulações de bombardeiros abatidas, 4 morreram, 1 foi capturado, um ferido, e dois escaparam sem ferimentos.

No total desse dia a JG3 abatera 13 aviões inimigos sem perder qualquer piloto.

Fica a lista de pilotos da JG3 a 30 de Outubro de 1918:

Jagdgeschwader 3:(esquadrilhas 2, 26, 27, 36)
Comandante: Hauptmann Bruno Loerzer
Ajudante: Oberleutnant Theodor Dahlmann

Esquadrilha 2:
Comandante: Hauptmann Karl Bolle
Ten. Otto Loffler
Ten. Ernst Bormann
Ten. Alfred Lindenberger
Ten. Paul Blunck
Ten. Alfred Schlack
Obltn. von Griesheim
Ten. Hermann Vallendor
Ten. Hermann Bolle
Ten. Johann Heemsoth
Ten. Gerhard Bassenge
Ten. Eberhard von Gudenberg
Ten. Mynereck

Esquadrilha 26:
Comandante: Ten. Franz Brandt
Ten. Hupfer
Ten. Bollmann
Ten. Fritz Classen
Ten. Erich Buder
Ten. Otto Fruhner
Ten. Helmut Lange
Ten. Eduard Marcard
Ten. Christian Mesch
Ten. Klaus Reimer
Ten. Brake
Ten. Ehlers
Ten. Ehmann
Ten. Gantermann
Ten. Schneider
Ten. Schilgen
Ten. Jakob Wolff

Esquadrilha 27:
Comandante: Ten. Hermann Frohmmerz
Ten. Groning
Ten. Willy Kahle
Ten. Albert Lux
Ten. Ludwig Mohring
Ten. Wilhelm Neuenhofen
Ten. Jahnke
Ten. Rudolf Stoltenhoff

Esquadrilha 36:
Comandante: Ten. Theodor Quandt
Ten. Max Fuhrmann
Ten. Hans Brzenk
Ten. Claussen
Ten. Alfred Hubner
Ten. Otto Steger
Ten. Theodor Hilpert
Ten. Meier-Haake
Ten. Claussen
Ten. Fugh
Ten. Huthmacher
Ten. Huhle
Ten. Lach
Ten. Petersen
Ten. Rostock
Ten. Schmidt



This page is powered by Blogger. Isn't yours?